6 de julho de 2007

Durante a semana ...

"Palavra puxa palavra, uma idéia traz outra,
e assim se faz um livro,
um governo, ou uma revolução".
Machado de Assis

Esta frase tem tudo a ver com o que estou vivendo atualmente. Outra idéia que não me sai da cabeça é: “os pensamentos são sementes”. E são mesmo, viu? Cada dia mais eu acredito nisso. Dêem o nome que for, digam o que quiserem. As freqüências em que vibramos, as energias que atraímos, o bem que praticamos (e o mal também) se manifestam em nossas vidas de um jeito ou de outro. É a tal lei de ação e reação. Assim, recebemos uma responsabilidade enorme. Porque nos tornamos únicos responsáveis por tudo que de fato ocorre em nossas vidas. E é complexo conviver com isso e aceitar essa condição. A tal responsabilidade é pesada e assustadora. Deseje, acredite e receba. Mas atenção, veja lá o que você vai querer!

Lembrei desta música hoje...
Adoro!


Quase sem querer

(Legião Urbana)

Tenho andado distraído
Impaciente e indeciso
E ainda estou confuso
Só que agora é diferente
Estou tão tranqüilo e tão contente

Quantas chances desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo mundo
Que eu não precisava
Provar nada pra ninguém

Me fiz em mil pedaços
Pra você juntar
E queria sempre achar
Explicação pro que sentia

Como um anjo caído
Fiz questão de esquecer
Que mentir pra si mesmo
É sempre a pior mentira

Mas não sou mais tão criança
A ponto de saber tudo

Já não me preocupo
Se eu não sei porquê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê

E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu vejo o mesmo que você

Tão correto e tão bonito
O infinito é realmente
Um dos deuses mais lindos

Sei que às vezes uso
Palavras repetidas
Mas quais são as palavras
Que nunca são ditas

Me disseram que você
Estava chorando
E foi então que percebi
Como lhe quero tanto

Já não me preocupo
Se eu não sei porquê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê

E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu vejo o mesmo que você

3 comentários:

Barneschi disse...

O post já vale pela letra desta música, uma das minhas 10 preferidas da Legião - eu nunca consigo me definir entre as que eu mais gosto, mas esta certamente está no top 10.

De resto, gosto dessas reflexões todas, e os últimos meses todos têm sido repleto delas.

Ah, e precisamos tocar adiante aquelas idéias, digamos, corporativas, né? Infelizmente é necessário... :-)

Beijos

Daniele Moraes disse...

É verdade, Ro! Esta música pode ir ao Top 10.
E vamos conversar, sim, sobre aquelas idéias!! Quem sabe não encontramos uma solução incrível?!
Hehehe...
Mais uma vez, obrigada pela visita!
Bjs

Anônimo disse...

Alguns momentos acontecem na nossa vida com se fossem rasgos de emoção dentro da nossa rotina turbulenta!!!
Após ler este texto, sinto-me assim rasgada, como se parte de mim pedisse clemência por sentir a vida intensamente !!!
Que bom ter um exemplo como meu avô e que bom ter um exemplo como minha irmã!!!
Ambos se confudem e se fundem como referências de um caminhar que quero ensinar aos meus filhos, onde a dignidade e os valores estão acima de tudo!!!
Obrigado vovô...obrigado maninha!!!
Carol