13 de junho de 2006

Eu quero ver a nossa estrela brilhar!!!

Hoje não vi ninguém dormindo no metrô. Havia uma eletricidade no ar. Ondas verde-amarelas faiscavam. Que delícia!!! Não vejo mal nenhum nesse clima nacionalista e um tanto apoteótico que precede uma Copa do Mundo. E este ano ainda mais. Já que estamos ‘nos achando’. Mas não é sem razão. Somos os melhores mesmo. Isso não significa que vamos ganhar a Copa, mas também não podem nos tirar a vantagem, a superioridade histórica e muito menos nossos outros cinco títulos mundiais.
Nem que seja de quatro em quatro anos, o mundo todo (não só o Brasil) pára para ‘ver, ouvir e dar passagem’ para a seleção canarinho que, entre Ronaldos, fenômenos e imperadores, se tornou o segundo time de todo o mundo. Me orgulho de ter a seleção brasileira como a minha primeira e única seleção. Exceção feita apenas para os chamados (desaforadamente - eu não concordo) 'times nanicos'. Sempre acabo por torcer para eles! Aliás, o Felipão que me perdoe, mas contra a apática selação de Portugal, Angola merecia ao menos um empate! De qualquer forma, em 2006: dá-lhe Costa do Marfim!!!
Que venha a Croácia!!!
Viva Brasil!!!

5 comentários:

Barneschi disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Barneschi disse...

E eu, além de tudo, Dani, nunca torço pelos pequenos. Sempre pelos grandes.
Beijos

Fábio Levatti disse...

Oi amor,

Que essa Copa produza lances e imagens inesquecíveis para podermos contar para nossos filhos e netos! Que o patriotismo não acabe com o fim de cada Copa!!!

Brasil hexa!!!!!!!!!!

Daniele Moraes disse...

Rô,
Essa eu já sabia!!! Hehehe ... mas não pode! Judiação! O legal é o inesperado. Se sempre der a lógica (exceto no caso do Brasil, é claro!), não tem graça!!
Hehehehe ...
Obrigada pela visita!

Fô,
É isso mesmo amor. O melhor de tudo é dividirmos momentos marcantes com quem se ama!!
Que sufoco na estréia! Em todos os sentidos!!
Te amo!
Bjs

Dani

Magui disse...

E verdade. mas vc precisa escrever do que viu nos outros jogos.